Telediagnostico Razões para Adotar

Telediagnóstico: 7 razões para uma clínica adotar essa tecnologia

Provavelmente, você já ouviu falar sobre uma tendência atual da medicina, o chamado telediagnóstico. Se ainda não, já passou da hora de conhecer essa nova tecnologia, que logo deixará de ser novidade para ser uma realidade imprescindível para quem almeja construir um negócio de sucesso dentro da área de prestação de serviços na área de saúde.

Hoje, selecionamos sete razões para que você perceba a necessidade de adotar o telediagnóstico na sua clínica.

1. Comodidade

Quem administra uma clínica sabe bem que não é fácil o armazenamento, o encaminhamento e o retorno de documentos e exames para a avaliação de um especialista. Gasta-se dinheiro e tempo em imprimir resultados, organizá-los e levá-los para serem laudados por um médico capacitado. Pensando nisso, fazer opção pelo telediagnóstico representa comodidade em utilizar um sistema informatizado e on-line.

2. Segurança

Toda informação gerada acerca de um paciente envolve necessidade de armazenamento sigiloso, protegido pelo código de ética médica e pela legislação brasileira. Dessa forma, é necessário que os dados clínicos e diagnósticos de um paciente não se tornem de conhecimento público ou mesmo de funcionários da clínica de forma indevida. Então, essa é mais uma razão para apostar no telediagnóstico, que conta com sistemas de acesso restrito, em que as informações sigilosas só podem ser consultadas pela equipe responsável pelo caso em questão.

VEJA TAMBÉM:  Como aumentar a eficiência na entrega de diagnósticos?

3. Agilidade

Uma das mais frequentes queixas entre pacientes é a demora em obter resultados após a realização de exames. Todavia, muitas vezes, esse tempo prolongado não decorre de falha do gestor da clínica, mas do processo lento que normalmente ocorre entre a realização do exame, a visualização e a análise de um médico para liberar o laudo. Contando com um parceiro de telediagnóstico, esse tempo de espera cai, sendo que alguns resultados podem ser liberados em algumas horas, com qualidade garantida, aumentando o número de atendimentos que podem ser feitos.

4. Análise de excelência

Muitas clínicas contam com dificuldades em encontrar um especialista devidamente capacitado para a realização do diagnóstico de um exame feito. Essa situação se mostra ainda mais frequente em cidades menores, distantes dos grandes centros e das capitais. Com o serviço de telediagnóstico, todos os serviços prestados pela sua clínica estão sob supervisão de uma equipe altamente capacitada, que realiza análise criteriosa para um correto diagnóstico.

5. Investimento que cabe no seu bolso

Muitos gestores de clínica encontram dificuldade em iniciar ou expandir sua clínica devido ao alto custo de determinados equipamentos, exigindo um capital inicial muito além da realidade da maior parte de nossos clientes. Contando com uma parceira em telediagnóstico, tais problemas são eliminados pela possibilidade de obtenção de equipamentos em regime de comodato.

VEJA TAMBÉM:  Por que meu laboratório deveria ter um blog corporativo?

6. Satisfação do paciente

Muitos pacientes procuram clínicas em que podem realizar toda sua investigação e seu tratamento. São poucos os que ficam satisfeitos em ter de realizar a consulta, os exames e o tratamento em locais distintos. Pensando nisto, dispor de maior gama de propedêutica médica, com o apoio do serviço de telediagnóstico, garante maior satisfação do paciente com os serviços prestados, garantindo seu retorno e suas indicações.

7. Redução de custos e aumento dos lucros

Um dos principais objetivos de todos os empreendedores é reduzir os custos de operação. Fica claro que, com a parceria de uma empresa de telediagnóstico, serão menos gastos com pessoal, insumos e equipamentos, além de possibilidade de atendimento a mais pacientes, o que levará a um melhor índice de rentabilidade.

Está convencido a adotar o telediagnóstico em sua clínica? Qual são seus receios? Deixe seu comentário para que possamos ajudá-lo!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *